1. Skip to Menu
  2. Skip to Content
  3. Skip to Footer>
Terça 02 Set

S. Julião da Barra - Nova Campanha Subaquática

PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

Quarta, 21 Setembro 2011 00:00


         2108Treze anos após a realização da EXPO98 para a qual os trabalhos e o espólio, até então recuperados junto à fortaleza de São Julião da Barra, formaram o núcleo do pavilhão de Portugal, este mês deu-se início a uma nova campanha de arqueologia subaquática no local.

Estes trabalhos, vão ser efectuados no âmbito de uma parceria entre as autarquias de Oeiras e de Cascais – através do Museu do Mar – e do Centro de História de Além-Mar (CHAM) da Universidade Nova, e tem como objectivo entender a dinâmica do porto de Lisboa, cuja entrada principal para os navios à vela se fazia junto à fortaleza.

Nos fundos que rodeiam as fortaleza é possível encontrar destroços que chegam aos anos 60 do século XX, altura em que naufragou o arrastão de pesca Santa Mafalda, já referido nas páginas da Revista de Marinha.

Naturalmente, que a RM vai acompanhar estes trabalhos que, de imediato, vão durar um mês.


Augusto Salgado
Sobre o autor:
Oficial da Armada e colaborador do DANS
 

Navios de Cruzeiro

MSC Armoria MSC Lirica MSC Opera MSC Fantasia Athena Princess-Danae MSC Sinfonia MSC Melody Princess-Daphne