1. Skip to Menu
  2. Skip to Content
  3. Skip to Footer>
Quinta 24 Ago

Um livro sobre a actividade baleeira nos Açores

PDF Versão para impressão Enviar por E-mail


3921 01A actividade baleeira teve expressão significativa entre nós, durante muito tempo, nos Açores, em termos de captura de cachalotes, no âmbito de uma pesca tradicional, constituindo, pois, parte integrante do nosso património cultural ligado ao mar. Depois dessa fase, que se deu por concluída em 1987, a actividade adquiriu contornos diferentes: museologia; pesquisa sociológica e etnográfica; preservação e recuperação do património; investigação científica; educação ambiental; observação de cetáceos ('whale watching'); participação em negociações e decisões em instâncias internacionais (Portugal deteve, durante largos anos, o estatuto de observador na Comissão Baleeira Internacional, vindo a ela aderir, como membro de pleno direito, em 2002. Em 2009 o nosso País organizou a Reunião anual da Comissão, no Funchal, tendo nessa reunião sido eleito par um mandato do respectivo Comité Consultivo).

                  Neste contexto, foi surgindo, ao longo do tempo, uma literatura abundante, de autores nacionais e estrangeiros, sobre a actividade que teve lugar entre nós, e que constitui hoje um acervo de grande importância.

                  Foi publicada recentemente mais uma obra sobre esta matéria, da autoria do Eng.° Wulf H. Koehler, de nacionalidade alemã, membro honorário da National Geographic Society e membro da Historical Diving Society (USA) , actualmente a residir em Ponta Delgada. O livro intitula-se Desde a Caça da Baleia até à sua Observação, e tem a particularidade de ser uma edição trilingue (publicada em português, inglês e alemão). A obra percorre, num texto de muito agradável leitura, todas as fases da actividade baleeira nos Açores, identificando, de forma abrangente, as vertentes que devem ser tomadas em consideração quando se aborda esta temática: aspectos históricos – evolução institucional e legislativa – construção dos botes baleeiros – ferramentas e técnicas de pesca – processamento em fábrica – registos estatísticos e mercados – a vigia – museus baleeiros – os dentes de baleia e o 'scrimshaw' – a reprodução de contactos com baleeiros e seus familiares – a observação de baleias e golfinhos – as características do cachalote.

                  De referir que a obra tém uma apresentação gráfica de alta qualidade, tal é a profusão de fotografias e de outros elementos, a proporcionar uma visão completa do enquadramento da atividade. E isto em relação a todos os momentos de análise, desde os primórdios até à atualidade. No final são apresentados um poster com a classificação científica dos espécimes que evoluem 3921nos mares dos Açores (rorquais, cachalotes, golfinhos e baleias-de-bico) e bibliografia que permite o aprofundamento do conhecimento sobre esta faceta da nossa dimensão marítima. É também apresentada uma biografia do Autor.

                  Trata-se, pois, de uma obra cuja leitura se recomenda vivamente, pelos testemunhos nela contidos e pela vasta informação que transmite.

                  A obra foi editada por Publiçor-Letras Lavadas Edições (Rua Praia dos Santos, 10 – S.Roque- 9500-706 Ponta Delgada, tel: 296.630.080, fax: 296.630.089, e-mail: Este endereço de e-mail está protegido de spam bots, pelo que necessita do Javascript activado para o visualizar ).

 

Por FCC

 


 

Navios de Cruzeiro

MSC Armoria MSC Opera MSC Sinfonia Athena Princess-Daphne MSC Lirica Princess-Danae MSC Melody MSC Fantasia