1. Skip to Menu
  2. Skip to Content
  3. Skip to Footer>
Domingo 19 Nov

Praia das Maçãs em festa

PDF Versão para impressão Enviar por E-mail


3993No último domingo de Agosto, voltou a celebrar-se a tradicional festa em honra de Nossa Senhora da Praia, que cada vez atrai mais turistas e veraneantes, portugueses e estrangeiros, e que congrega crentes e curiósos nas ruas e areal da linda Praia das Maçãs, junto à Serra de Sintra.

Promovida pela incansável e dedicada Irmandade de Nossa Senhora da Praia, com apoio da Câmara de Sintra e Junta de Freguesia de Colares, abrilhantada pela excelente banda dos bombeiros de Colares e pela GNR a cavalo, a procissão foi presidida pelo Pároco de Colares, Padre José Antonio Rebelo da Silva, e acompanhada pelos autarcas atuais e pelos candidatos às proximas eleições, bem como por muitos dos naturais desta localidade e pelas muitas famílias que aqui passam férias há várias gerações.

Como dizia o celebrante na sua Homilia durante a Missa campal que precedeu a Procissão ... a festa de hoje recorda-nos a presença constante de Nossa Senhora na vida da Igreja e na vida de cada um de nós. Maria, Mãe de Jesus e nossa Mãe, é aqui invocada como Nossa Senhora da Praia por aqui ter sido encontrada a sua imagem enterrada entre rochas na areia do mar e a Ela foi dedicada a ermida onde todos os anos se celebra esta festa e que por generosidade dos seus proprietários está aberta ao culto de todos os que aqui vêm.

 Como sempre, no final da Missa, as autoridades e o povo ali presente seguiram atrás do sacerdote e dos estandartes e andores transportados aos ombros de voluntários de todas as idades, irmanados pelo desejo de homenagear a Senhora da Praia. Janelas e muros enfeitados com colchas e flores,3993 01 pétalas de rosas e cânticos marianos, “vivas” e aclamações de muita gente jovem, a banda tocando e marcando compasso, as vestes das várias Irmandades ali presentes, tudo contribui para que a festa seja vivida com carinho e fé e continue a marcar as gentes desta praia. Vêem-se crianças, jovens e adultos, famílias, banhistas e surfistas descalços ao lado de pessoas de idade, jovens tatuados e com piercings ombreando com políticos e intelectuais, gente anónima e gentes conhecidas, todos avançando pelas ruas engalanadas até ao areal, acompanhando os andores até perto do mar. Só o da Senhora da Praia tem de ser mesmo banhado por sete ondas, conforme a tradição.

Enquanto a multidão se juntava no paredão e nas rochas, para ver e aplaudir, uma avionette passava rasante atirando pétalas sobre a Virgem. Em volta, muitos surfistas prestavam a sua homenagem sobre as pranchas e uma lancha da Polícia Marítima tocava a sirene e fazia sinais de luzes. Por fim, o regresso da procissão à ermida de onde partira.

Senhora da Praia, roga por nós!

Mais um ano se cumpriu a tradição! Mais um ano de testemunho de Fé junto ao Mar português!

Por F.F.

Fotos de Júlio José Silva

 


 

Navios de Cruzeiro

Princess-Danae MSC Opera Princess-Daphne Athena MSC Armoria MSC Sinfonia MSC Lirica MSC Fantasia MSC Melody